Programa de Teresópolis entre as seis boas práticas no Brasil no atendimento a crianças e adolescentes vítimas de violência

PROJETO BEM ME QUER 19Programa de Teresópolis entre as seis boas práticas no Brasil no atendimento a crianças e adolescentes vítimas de violência

Teresópolis, 25 de agosto de 2017 – O programa ‘Bem Me Quer Terê’ é listado em publicação da instituição ChildHood Brasil com uma das seis experiências brasileiras consideradas como referência no atendimento integrado a crianças e adolescentes vítimas de violências. Além de Teresópolis (RJ), estão na lista Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS), Belém (PA), Vitória da Conquista (BA) e Brasília (DF).

A publicação foi lançada durante o I Seminário sobre a Lei 13.431/2017 e o Atendimento Integrado às Crianças e Adolescentes Vítimas de Violências, que aconteceu em Brasília entre os dias 8 e 10 de agosto. Sancionada em abril desse ano, a legislação normatiza mecanismos para prevenir a violência contra menores e estabelece medidas de proteção e procedimentos para tomada de depoimentos.

Nesta sexta-feira, 25, a coordenação do ‘Bem Me Quer Terê’ reuniu representantes da rede integrada – formada por Conselho Tutelar, Ministério Público, CRAS, CREAS, Delegacia Policial, Secretarias de Saúde, Desenvolvimento Social e de Educação, entre outros órgãos – para apresentar a publicação: Centros de Atendimento Integrado a Crianças a Adolescentes Vitimas de Violências.

O pioneirismo de Teresópolis foi comemorado pela coordenadora do programa, a assistente social Sandra Erli Azevedo. “Pela lei 13.431, todos os municípios do Brasil vão ter que implantar centros de atendimento integrado a crianças vítimas de abuso sexual e Teresópolis, que já vem atuando com boas práticas, será referência”.

A apresentação foi acompanhada pela secretária Carla Tricano, de Desenvolvimento Social. “Parabenizo a equipe do Bem Me Quer pelo excelente trabalho que vem sendo realizado em rede, com resultados que tornam o programa referência em todo o Brasil na proteção e garantia dos direitos das nossas crianças e adolescentes”, comentou a secretária Carla.

O programa ‘Bem Me Quer Terê’ é vinculado ao Centro Materno Infantil e está instalado no prédio anexo do Centro Administrativo Manoel Freitas (Av. Lúcio Meira, 375/3º piso), na Várzea. Conta com equipe formada por assistente social, psicólogo, médica e enfermeira, que faz o acolhimento de crianças e adolescentes vítimas de violência sexual, com entrevista investigativa e encaminhamento à rede de saúde e assistência social para tratamento e acompanhamento, quando necessários. O atendimento acontece de segunda a sexta, das 9h às 17h.

Fotos – Jorge Maravilha/AscomPMT

Fonte- Assessoria de Comunicação de Teresópolis

  • Equipe do Bem Me Quer e representantes da rede integrada de atendimento comemoram resultado do trabalho realizado em Teresópolis
  • Adriana Chaves, da Secretaria de Saúde, entrega exemplar de publicação a Carla de Freitas Cruz, promotora de Justiça titular da 3ª Promotoria Criminal de Teresópolis
  • Secretária de Desenvolvimento Social Carla Tricano acompanha apresentação feita por Sandra Erli Azevedo, coordenadora do Bem Me Quer, aos representantes da rede integrada de atendimento
  • Apresentação das ações realizadas pelo programa e que são citadas na publicação Centros de Atendimento Integrado a Crianças a Adolescentes Vitimas de Violências
  • Programa de Teresópolis entre as seis boas práticas no Brasil no atendimento a crianças e adolescentes vítimas de violência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *