Caleme recebe centro de atendimento e testagem de grupos de risco para COVID-19

Caleme recebe centro de atendimento e testagem de grupos de risco para COVID-19
Caleme recebe centro de atendimento e testagem de grupos de risco para COVID-19

Caleme recebe centro de atendimento e testagem de grupos de risco para COVID-19

Unidade móvel de saúde também passa a oferecer atendimento médico 3 vezes por semana no bairro

Teresópolis, 22 de setembro de 2020 – Dando continuidade à ampliação do Programa Estratégico de Testagem (PET), o Gabinete de Crise contra o coronavírus instalou na última sexta-feira, 18, um posto de atendimento e testagem de Covid-19 no Caleme, exclusivo para crianças e adolescentes, gestantes, idosos e pessoas com doenças crônicas. Em todos os casos é preciso apresentar sintomas para que seja realizada a testagem. Instalado na Igreja Nossa Senhora da Paz, na Estrada do Triunfo, o posto funciona nas segundas, quintas e sextas, de 8h30 às 12h. Os moradores do bairro também ganharam uma unidade móvel de saúde para atendimento médico, que funcionará também nas segundas, quintas e sextas, de 13h às 17h.

Com a ampliação do PET, Teresópolis passa a contar com testagem em 5 postos e também nos 15 postos de saúde da família (PSF) e nas 5 unidades básicas de saúde (UBS) do município, nas áreas urbana e rural. Destacando que a testagem é restrita a crianças e adolescentes, gestantes, idosos e pessoas com doenças crônicas que apresentem sintomas de COVID-19. Até este domingo, 20 de setembro, o município realizou 14.559 testes na população.

Com queda no número de novos casos, Teresópolis se mantém no risco moderado de transmissão

Pela 3ª semana seguida, Teresópolis apresenta queda no número de novos casos confirmados de Covid-19. Entre os dias 23 e 29/08 foram registrados 620 casos; de 30/08 a 05/09 o número caiu para 537; de 6 a 12/09 houve nova queda, com 454 casos, e na semana de 13 a 19/09, mais uma redução, com 398. Ou seja, queda acumulada de 35% no número de novos casos, comparando-se as semanas. Os dados podem ser conferidos no painel.teresopolis.rj.gov.br.

A Secretaria de Saúde reforça que ainda há um “pico de curva” muito alto e, por isso, é preciso manter total vigilância e não relaxar nas medidas de prevenção. Conforme dados da UFRJ, Teresópolis se mantém no Risco Moderado de transmissão da doença.

Dados da Secretaria de Estado de Saúde mostram que com o percentual de 2,6%, o município mantém a 2ª menor taxa de letalidade pela Covid-19 entre os municípios do estado do Rio de Janeiro com mais de 150 mil habitantes.  A taxa de letalidade é a divisão do número de óbitos pelo número de casos confirmados da doença; assim, quanto menor a taxa de letalidade, menor é o risco de registro de mortes.

Fonte: Assessoria de Comunicação de Teresópolis