Ceso promove Drive thru da Saudade e da Solidariedade

Ceso promove Drive thru da Saudade e da Solidariedade 

Motivada pelo mês das crianças e também pela vontade mútua de interação mais presencial, a ação de Drive thru da Saudade e da Solidariedade, promovida no dia 23 de outubro pelo Centro Educacional Serra dos Órgãos (Ceso), foi um momento de reencontro muito esperado por professores e estudantes, que renovou as energias e arrancou lágrimas de muita gente. “Eu nem consigo falar nada neste momento”. A emoção tomou conta da enfermeira obstétrica Aline Coutinho e de seus filhos Giovana e Lucas (do 9º e 4º anos, respectivamente), ao ter a oportunidade de sentir de pertinho o carinho e afeto que os professores do Ceso têm com seus alunos. Professores estes que, assim como alunos, famílias e funcionários dos demais setores, estavam precisando de um evento do tipo, que fugisse um pouco da nova rotina adotada pela pandemia do novo coronavírus. 

“Mesmo com o distanciamento imposto pelos protocolos de segurança sanitária, poder olhar no rosto de cada aluno, cada responsável e sentir aquela alegria de estarmos todos juntos de novo, ainda que por um breve momento, é extremamente revigorante e fez muito bem a todos. Estamos satisfeitos e felizes com os resultados e seguimos empenhados e motivados para entregar o melhor que o Ceso pode oferecer, que é uma educação de qualidade e um ambiente escolar alegre e saudável para todos”, declarou a professora Márcia Cristina Siqueira, diretora substituta do Ceso.

A ação teve um fundo solidário e humanístico no qual alunos e suas famílias levaram 1kg de alimentos não perecíveis, que serão doados a instituições de atenção a pessoas em situação de necessidade. Na ação, foram arrecadados mais de 135 kg de alimentos. Para Educação Infantil, foram entregues kits de jogos com atividades lúdicas e de aprendizagem, além de um kit com balde de pipoca personalizado, suco e pipoca. O Ensino Fundamental I ganhou o mesmo kit com balde de pipoca personalizado, suco e pipoca. Durante a atividade, foram distribuídos pipoca e algodão doce para todos os participantes.

Desde o início dos protocolos de segurança sanitária decorrentes da pandemia, a comunidade escolar se viu obrigada a avançar sobre o modelo de aulas e interações não presenciais, uma grande mudança para todos. “Promover este encontro foi uma maneira de reforçar nossos laços e ter trocas de carinho e de afeto, de maneira geral, mais comum aos encontros presenciais”, revelou a professora Márcia. As aulas virtuais continuam para todas as turmas e o colégio segue, com máximo rigor, as orientações sanitárias e das autoridades de Educação.

Fonte: Unifeso Jornalismo