Coronavírus- decretos emergenciais do Estado RJ e de Teresópolis

Coronavírus- decretos emergenciais do Estado RJ e de Teresópolis

Entenda um pouco mais. Desde a pandemia do Covid-19 (Coronavírus) medidas severas estam sendo tomadas em Teresópolis e atualizações das mesmas. Fique atento! Respeite! Esse vírus é mortal!

Coronavírus- decretos emergenciais do Estado RJ e de Teresópolis
Coronavírus- decretos emergenciais do Estado RJ e de Teresópolis

***Atualizado 13/05/2020 (quarta)

JUNTOS, VENCEREMOS O CORONAVÍRUS!

PLANO MUNICIPAL DE CONTINGÊNCIA CONTRA O CORONAVÍRUS

Teresópolis, 03 de abril de 2020. Teresópolis com medidas severas de restrição ao Coronavírus na cidade. As primeiras ações começaram,  no dia 13 de março de 2020,  com medidas preventivas à circulação do novo coronavírus recomendadas pelo Ministério da Saúde e o Governo do Estado do Rio de Janeiro, o Prefeito Vinicius Claussen determinou por decreto que as escolas públicas e particulares do Município de Teresópolis antecipem o recesso de julho. A medida abrange todas as unidades de ensino do município, creches, escolas, cursos, faculdades e universidades. 

O Prefeito de Teresópolis, Vinicius Claussen, assinou nesta sexta (13) o Decreto nº 5.255/20 que dispõe sobre os procedimentos a serem adotados para a prevenção do coronavírus, o Covid-19. O documento é embasado na Portaria nº 188 de 03 de fevereiro de 2020 do Ministério da Saúde que dispõe sobre a Declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) em decorrência da infecção humana pelo novo coronavírus (2019-nCoV), especialmente a obrigação de articulação entre os gestores do SUS como competência do Centro de Operações de Emergências em Saúde Pública (COE-nCoV). Também é amparado pelas diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Saúde (MS) e pela Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro (SES/RJ). O decreto foi publicado em edição extra do Diário Oficial desta sexta-feira (13) e entrou em vigor na data da publicação.

Entre as determinações está a constituição do Gabinete de Crise sobre a Pandemia do Coronavírus, presidido pelo Prefeito Municipal de Teresópolis e composto por: Prefeito, Vice-Prefeito, Secretaria Municipal de Saúde, Divisão de Vigilância Epidemiológica, Procuradoria Geral do Município, Subsecretaria Municipal de Comunicação, dois representantes de cada hospital do município e dois representantes do Conselho Municipal de Saúde.

Segundo o decreto, também estão proibidos pelo período de 13 de março de 2020 a 29 de março de 2020:

Fonte: Assessoria de Comunicação de Teresópolis