Março amarelo: Medicina Veterinária do UNIFESO promove campanha de prevenção à doença renal crônica

Campanha Veterinária Doença Renal (7)Março amarelo: Medicina Veterinária do UNIFESO promove campanha de prevenção à doença renal crônica

Março é o mês internacional de cuidado e prevenção das doenças renais e não são só os humanos sofrem com o problema, que pode atingir e até causar a morte dos animais de companhia, principalmente dos gatos. Para conscientizar os donos de pets sobre o problema e a importância do diagnóstico precoce, a Liga Acadêmica de Clínica Médica dos Pequenos Animais (LACMPA) do curso de Medicina Veterinária do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO) promoveu no dia 29 de março a campanha Março Amarelo, que fez um alerta para a doença renal crônica (DRC) em animais.

De acordo com o diretor de Pesquisa e Extensão da liga, o estudante do segundo ano do curso de Medicina Veterinária Yan César, o foco principal da campanha foi “realizar o exame clínico de rotina nos animais e alertar os proprietários sobre os fatores de risco da doença, orientando a prevenção e distribuindo cartilhas que ilustram maneiras de oferecer qualidade de vida e mais conforto para os animais que já têm a doença”.

A ação foi supervisionada pela professora Priscila Tucunduva, coordenadora da Clínica-Escola de Medicina Veterinária, que destacou que “a doença não apresenta um sintoma específico, portanto os donos devem ficar atentos aos sinais mais simples, como dificuldade de o animal subir em camas e sofás, perda do apetite, apatia e vômitos, por exemplo”. Segundo ela, a doença acomete os mais idosos por ser uma degeneração normal do rim, e quanto mais cedo o diagnóstico e o tratamento, mais eficaz serão os resultados, por isso a importância do animal ter o acompanhamento de um médico veterinário. 

A enfermeira Luciana Straub levou a sua cachorrinha Ema, de 14 anos, e os cães da irmã, Mel e Tiquinho. “A Ema se trata aqui na Clínica-Escola há bastante tempo e sempre quando tem campanha trago todos, pois acho que estes cuidados são muito importantes para eles e poupa muito trabalho para nossa família toda”, avaliou Luciana.

Fonte:Unifeso Jornalismo Campanha Veterinária Doença Renal (4)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *