Teresópolis terá conscientização sobre combate ao mosquito Aedes aegypti

Teresópolis terá conscientização sobre combate ao mosquito Aedes aegypti

Ação será sábado, dia 9, na Calçada da Fama, na Várzea

Teresópolis, 5 de novembro de 2019 – Com o lema ‘Todos contra o mosquito’, acontece neste sábado, dia 9, uma mobilização para conscientizar a população sobre a importância de combater o Aedes aegypti. O mosquito é transmissor de várias doenças, entre elas, dengue, zika, chikungunya e febre amarela. A ação será realizada das 9h às 14h, na Calçada da Fama, na Várzea.

 Com realização da Prefeitura, através da Secretaria de Saúde, e apoio do Unifeso (Centro Universitário Serra dos Órgãos), a iniciativa segue campanha lançada pelo Ministério da Saúde. O objetivo é conscientizar as pessoas a destinarem 10 minutos, por dia, para verificar se existe depósito de água ou acúmulo de lixo em suas residências que possam se transformar em criadouros do mosquito.

 “A proposta é nos organizarmos antes do período chuvoso intenso do verão para combater criadouros e possíveis focos do Aedes aegypti. A responsabilidade é de todos: poder público e população. Temos que trabalhar unidos para proteger nossas casas e familiares contra o mosquito”, conclama o secretário municipal de Saúde, Antonio Henrique Vasconcellos.

Prevenção

Parte superior do formulário

  1. Coloque areia no prato dos vasos de plantas.
  2. Mantenha os ralos limpos jogando água sanitária ou desinfetante semanalmente. Se não for utilizá-los, mantenha-os vedados.
  3. Jogue no lixo todo objeto que possa acumular água, como embalagens usadas, potes, latas, copos, garrafas vazias etc.
  4. Mantenha o saco de lixo bem fechado e fora do alcance de animais até o recolhimento pelo serviço de limpeza urbana. Não jogue lixo em terrenos baldios.
  5. Lave, principalmente por dentro, com escova e sabão, os utensílios usados para guardar água, como jarras, garrafas, potes, baldes etc.
  6. Troque diariamente a água dos bebedouros de animais e aves e limpe-os com escova ou bucha.
  7. Depressões de terreno também são possíveis poças de água parada. Preencha-os com areia ou pó de pedra.
  8. Mantenha caixas d’água, cisternas, tonéis e outros depósitos de água sempre bem fechados, com a tampa adequada, para impedir a entrada do mosquito.
  9. Mantenha pneus sem água, em local coberto e abrigados da chuva.
  10. Garrafas vazias devem ficar sempre de cabeça para baixo e em local coberto.
  11. Limpe constantemente as calhas, remova tudo que possa impedir a passagem da água, a laje e a piscina de sua casa.
  12. Mantenha as bromélias tratadas com água sanitária na proporção de uma colher de sopa para um litro de água, regando, no mínimo, duas vezes por semana. Tire sempre a água acumulada nas folhas.

Fonte: Assessoria de Comunicação de Teresópolis