Formação dos Mediadores Tecnológicos em Teresópolis

Prefeito Vinicius ClaussenLaboratórios de inovação e tecnologia da rede municipal de ensino de Teresópolis passam a contar com mediadores tecnológicos.

Instalados em 90% das escolas, InovaLabs terão nova proposta pedagógica alinhada às necessidades dos alunos.

Nos próximos dias, as escolas municipais que já contam com InovaLabs, laboratórios de inovação e tecnologia, começam a receber os novos mediadores tecnológicos, que vão atuar auxiliando alunos e professores na utilização do espaço e suas tecnologias.Os mediadores são estudantes universitários de cursos de tecnologia do UNIFESO (Centro Universitário Serra dos Órgãos), parceira do projeto. Os jovens selecionados passaram por um programa de capacitação, concluído nesta segunda-feira (7), no Campus Vale do Paraíso, em Teresópolis.

Para o Prefeito Vinicius Claussen, este é um momento de se adequar às demandas do século XXI: “No início da gestão, pegamos uma estrutura do século XIX, com processos do século XX, para atender necessidades do século XXI. Em 2019 começaram os primeiros investimentos, com a compra 1.400 computadores. E com recursos do GFED (Gestão Financeira Escolar Descentralizada), as escolas foram capazes de criar espaços com layout inovador, adaptadas para uma experiência única de alunos e professores. Em 2022 já temos 90% das escolas com a política pública do InovaLab implantada.”

A Secretária de Educação, Satiele Santos, falou sobre a expectativa do início deste projeto inovador: “A gente está começando de fato a realizar um sonho. A gente precisa entender que a educação não é só o caderno e o lápis. As nossas crianças precisam de muito mais. É por isso que essa gestão vem investindo em tecnologia, inovação, empreendedorismo, tudo isso num espaço acolhedor.” Secretária de Educação, Satiele Santos

Formação dos Mediadores Tecnológicos em Teresópolis
Formação dos Mediadores Tecnológicos em Teresópolis

Ainda no evento, Roberta Amaral, Diretora de Pós-Graduação do UNIFESO e Carla Cunto, supervisora dos mediadores tecnológicos da SME (Secretaria Municipal de Educação), falaram sobre a importância deste projeto, que pretende adaptar a educação de Teresópolis neste novo formato exigido pelo mundo atual, ressignificando e incorporando na prática docente estas novas tecnologias.

O PROGRAMA INOVALAB

Lançado em 2019, com a inauguração do primeiro InovaLab na E.M. Manoel da Silveira Medeiros Sobrinho, no Vale do Paraíso, o projeto foi o primeiro passo da atual gestão municipal para inserção da tecnologia no ambiente escolar. A proposta dos espaços, que têm a parceria da Secretaria de Ciência e Tecnologia,  é oportunizar aos estudantes uma abordagem diferente dos conteúdos que serão trabalhados em sala de aula, num ambiente tecnológico. 

Atualmente, 90% das escolas municipais já contam com InovaLabs e as que não têm estrutura física para oferecer o espaço receberão, em breve, notebooks para que seja possível usar a tecnologia na própria sala do aluno.
“Com o projeto, vemos a tecnologia fazendo parte do dia a dia das escolas municipais, preparando melhor os alunos para os desafios do Século XXI e para um mercado de trabalho que cada vez mais exige novas habilidades dos jovens”, comentou Vinicius Oberg, Secretário Municipal de Ciência e Tecnologia.

Fonte: Assessoria de Comunicação de Teresópolis Carla Cunto