Idosos acima de 60 anos podem se imunizar contra a Influenza dia 11

Idosos acima de 60 anos podem se imunizar contra a Influenza dia 11
Idosos acima de 60 anos podem se imunizar contra a Influenza dia 11

Idosos acima de 60 anos podem se imunizar contra a Influenza a partir da segunda-feira (11)

Vacina é aplicada em todas as unidades de saúde da cidade e interior

A partir da próxima segunda-feira (11), a Prefeitura Municipal de Teresópolis, através da Secretaria Municipal de Saúde irá vacinar idosos a partir de 60 anos de idade contra a Influenza. A vacinação também acontece para os trabalhadores de saúde da mesma faixa etária, na cidade e interior.

Na segunda semana, a SMS atenderá a população acima de 60 anos em todas as unidades de saúde e na quadra de esportes ao lado da Unidade de Saúde Dr. Eitel Abdallah (São Pedro). O atendimento ocorre de 9h às 15h.

Também parte do público-alvo da primeira etapa de vacinação, os profissionais de saúde acima de 60 anos podem receber a dose nos mesmos locais. Profissionais de outras idades receberão os imunizantes nos locais de trabalho, conforme distribuição na rede própria, hospitais e clínicas conveniadas.

O atendimento de idosos e profissionais de saúde segue a pé, com distribuição de senhas em cada local.

Fases da campanha

Em Teresópolis, 24ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza ocorre em duas fases, entre os dias 6 de abril a 3 de junho, com meta de imunizar, no mínimo, 90% do público-alvo de cada fase.

A primeira fase ocorre até o dia 30 de abril, e é estipulada conforme calendário definido para cada posto de atendimento do município. Já a segunda acontece entre 2 de maio e 3 de junho e compreenderá os seguintes grupos: crianças de 6 meses a menores de 5 anos, crianças de 2 meses a 4 anos, gestantes, puérperas até 45 dias após o parto, professores, pessoas com comorbidades, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo, forças de segurança, forças de salvamento e forças armadas, pessoas com deficiência, jovens de 12 a 21 anos sob medidas socieoeducativas e população privada de liberdade.

Fonte: Assessoria de Comunicação de Teresópolis