Operação conjunta em Teresópolis fiscaliza hotéis no centro da cidade

Operação conjunta em Teresópolis fiscaliza hotéis no centro da cidade
Operação conjunta em Teresópolis fiscaliza hotéis no centro da cidade

Operação conjunta entre Secretarias Municipais, Conselho Tutelar, Polícia Civil e Polícia Militar fiscaliza hotéis no centro da cidade

Nomeada “Criança Protegida”, a operação teve o objetivo de coibir atividades ilícitas envolvendo crianças e adolescentes e fiscalizar estabelecimentos de hospedagem que sejam possíveis bases destas ações

Teresópolis, 23 de março de 2022 – Na manhã desta quarta- feira, 23 de março, as Secretarias de Desenvolvimento Social, Segurança Pública e de Fazenda, em parceria com o Comissariado da Vara da Infância, Juventude e Idoso, Conselho Tutelar, Ministério Público, Polícia Civil e o 30º Batalhão da Polícia Militar, deflagraram operação de fiscalização nos hotéis do centro da cidade, com a finalidade de coibir ações de exploração infantil e outras possíveis atividades ilícitas. Dois dos três hotéis fiscalizados foram autuados por falta de alvará de funcionamento. Dois menores em situação irregular também foram identificados.

Denúncias davam conta de que menores de idade, vítimas de trabalho infantil, em sua maioria usada para a venda de balas nos sinais da cidade, ficariam hospedados nos principais hotéis populares do centro, desacompanhados dos responsáveis legais. A Operação “Criança Protegida” foi criada para coibir esse tipo de ação.

Um hotel e uma pousada foram autuados pela Secretaria de Fazenda, através da Fiscalização de Posturas, por falta de alvará de funcionamento. No hotel, foi encontrada uma mãe com um bebê em situação irregular, sendo aplicadas pelo Conselho tutelar as medidas protetivas cabíveis. Em outro estabelecimento de hospedagem, uma adolescente foi encontrada em companhia de um adulto, que foi autuado por posse de drogas e encaminhado para a delegacia. A menor, que não reside em Teresópolis, foi acolhida pelo Conselho Tutelar para que as medidas de proteção fossem aplicadas e encaminhada ao Conselho Tutelar da cidade de origem.

O Desenvolvimento Social, através da equipe de abordagem social do Centro de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS), participou da operação prestando assistência pelo serviço de abordagem, para dar apoio em possíveis situações de vulnerabilidade, como o trabalho infantil.

Fotos: Divulgação

Fonte: Assessoria de Comunicação de Teresópolis Operação conjunta em Teresópolis fiscaliza hotéis no centro da cidade